Eu não acordei flawless, gata

Todo mundo tem aquela amiga perfeita que parece que nasceu com aquele glow definitivo na pele. Tudo é fresh, simples e minimamente desconstruído na casa e no estilo dela: do jeans à camisa podrinha, passando pelos roteiros de viagem até a a bicicleta dela – “Achei no brechó de caridade” – ela te conta toda faceira, vestida com aquela bata bafo que comprou na sua última trip para Índia.

ALALA
Sua amiga acordei_gata com uma regata indiana na casa dela supercool

Mas será que aquele santuário do chique-sem-esforço sempre foi assim? Quando você e suas amigas não estão bebericando um chá gelado ou uma água de coco na casa dela, será que ela é exatamente igual a você, mera mortal, que demora 30 minutos consertando aquele delineado errado, vestida com um camisetão promocional da Brahma?

É exatamente este ponto que a jornalista do The Cut (Sessão das modas da Revista Nymag)  Ann Friedman chega ao escrever o artigo “Why not to admit we didn’t wake up like this“, ou traduzindo porcamente, “Por que não admitimos que não acordamos desse jeito”: todas as colega desse UNIVERSO acordam amassadas, com cara de panda e cabelo de leão e – ohhh – tem bafo! Sim, gatas. Até aquela amiga que você jura que não faz número 2 na vida, tem que se arrumar pra ficar bonitinha de manhã. O que nos difere, como Friedman martela na tecla, é se a gente admite ou não que fez todos aqueles borogós pra ficar apresentável.

DEMORA
Marilyn demora como a gente

O gancho pro artigo foi o lançamento do site da Blake Lively: Preserve. Indo na onda de atrizes/celebs que lançaram sites de lifestyle, como o Goop.com da Gwyneth Paltrow e o Laurenconrad.com da Lauren Conrad, Lively se joga em uma mistura de wannabe pinterest, artesanal, crafty e feito com carinho, junto com uma revista e e-commerce (ufa!). Tentando não entrar no mérito das piadinhas que podemos fazer com os picles custando 18 OBAMAS no site da ex-Gossip Girl, de forma resumida, achamos uma lenga lenga aspiracional pra tentar vender para nós, meros mortais, como acordar gata e sem bafo comprando coisas artesanais, regionais e UM POUQUINHO overpriced.

Pera lá, né gata?

Não tô falando pra ninguém não comprar o Picles caro não, nem aquele sal do Himalaia que vai fazer ~a diferença~ no teu acarajé. Compra, ué, se faz diferença pra você. Tô só te pedindo pra ser diferente desse lenga lenga “efortless chic” e admitir que demorou pra se arrumar, arrumar a mesa, e principalmente, ser verdadeira com você mesma: é um esforço do cacete ser mulher, ter uma casa linda, um bofe cheiroso e uma carreira sensacional. Se você trabalhou pra isso (isso sendo seu look, seu cafofo, seu boy, tudo) porque vai ter vergonha de admitir?

 

ESTEE

 

PS: Depois de um abandono de meses ao Penteadeira (my bad, mybad), volto mansinho com muitas novidades na manga 🙂 Agora a vida tá encaixando (leia-se, me formo definitivamente aeaeae) e aos pouquinhos, vou voltar ao meu ritmo aqui no Penteadeira. 

 

Advertisements

One thought on “Eu não acordei flawless, gata

  1. super isso! devo passar uns 10 minutos p me arrumar, no entanto saio com a cara de sempre e um vestido pq é mais rápido, já as pseudo its daquí vivem nessa de “ah, brigadinha, saí de qualquer jeito” MENTIRAAAAA, eu saí de qualquer jeito coloquei uma toca pra ninguém ver meu cabeloooo.. kkk adorei seu post, foi super divertido de ler
    xero
    http://desconstruindoblog.blogspot.com/

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s